Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Proposta de resolução do teste do 10º Ano

Mäyjo, 31.01.09

 

PROPOSTA DE CORRECÇÃO DO 5º TESTE DE GEOGRAFIA 10º Ano

Janeiro/Fevereiro de 2009

 

CRITÉRIOS GERAIS DE CLASSIFICAÇÃO

Só será atribuída a cotação completa quando as respostas revelarem:

• objectividade e capacidade de síntese;

• correcção científica e vocabulário científico adequado;

• correcta fundamentação dos argumentos utilizados;

• domínio da expressão escrita.

 

 

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE CLASSIFICAÇÃO

Grupo I

1.1-  Temporária /sazonal

1.2- A resposta deve referir as seguintes razões, ou outras consideradas significativas:

  • Precariedade dos contratos;
  • Situação social e económica do país
  • Facilidades permitidas pela abolição de fronteiras;
  • Internacionalização das empresas portuguesas.

 

2.1- Deviam ser assinaladas as alíneas b), c), e), g) e h).

 

Grupo II

1.1-  A legenda deveria ser:

  • A – Maciço antigo ou maciço Hespérico
  • B – Orlas mesocenosóicas
  • C –  Bacias do Tejo e Sado

1.2-  A resposta deve referir que a unidade A – Maciço antigo ou maciço Hespérico é a que possui maior quantidade de recursos minerais, pois tem recursos metálicos, energéticos e rochas ornamentais, enquanto as outras unidades têm apenas rochas industriais.  

 

1.3-  As ligações a definir seriam as seguintes:

Recurso mineral

 

Tipo de recurso

 

Área de produção

 

 

Volfrâmio ●

 

● Mineral energético ●

Areia ●

 

● Maciço Antigo

Sal-gema ●

● Mineral metálico ●

 

Granito ●

 

Urânio ●

● Mineral não metálico ●

● Orlas Mesocenozóicas

Carvão ●

 

 

Mármore ●

● Rocha industrial ●

Ferro ●

 

● Bacias do Tejo e Sado

Margas ●

● Rocha ornamental ●

 

Quartzo ●

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2.1- A resposta deve referir que Portugal tem que importar porque não produz o suficiente: não há em quantidade, a qualidade é fraca e a forma de exploração acarreta grandes custos.

2.2- A resposta deve referir os seguintes aspectos, ou outros considerados significativos:

  • Destinam-se essencialmente à exportação (mais de metade da produção);
  • Correspondem a 66% do valor de exportação da indústria extractiva,
  • Cria postos de trabalho.

 

3- A resposta deve referir os seguintes aspectos, ou outros considerados significativos:

  • Poluição sonora causada pelos rebentamentos dos explosivos;
  • Formação de poeiras;
  • Destruição da paisagem.

 

4.1- A resposta deve referir que, como geralmente se localizam no interior, ao criarem emprego promovem a fixação da população e diminuem o êxodo rural.

4.2- A resposta deve referir os seguintes aspectos, ou outros considerados significativos:

  • Aumento do emprego;
  • Diminuição do êxodo rural;
  • Desenvolvimento do comércio e dos serviços;
  • Criação de infra-estruturas;
  • Novos investimentos.

 

5.1- A resposta deve referir que o consumo de petróleo deve diminuir, assim como de carvão (embora menos) o consumo de energia hídrica e de “outras manter-se-á e o gás natural aumentará.

5.2- A resposta deve referir que a evolução deverá ficar a dever-se à substituição do petróleo por energias alternativas (gás e energias renováveis), devido ao perigo de esgotamento das fontes de petróleo e com o intuito de diminuir a dependência, a poluição e os custos.

 

6.1- A resposta deve referir que como não temos recursos energéticos não renováveis, temos que importar o petróleo, o carvão e o gás natural, que fazem funcionar o sector termoeléctrico.

6.2.1- A resposta deve referir que as quantidades importadas variam com as condições do ano hidrológico: quando há mais precipitação importamos menos e vice-versa.

6.3- A resposta deve referir os seguintes aspectos, ou outros considerados significativos:

  • Apostar em energias alternativas renováveis: solar, biomassa e hídrica;
  • Poupar energia fazendo um uso racional;
  • Fazendo construções ecológicas que minimizem as perdas de energia.

 

7.1- A resposta deve referir que houve um crescimento global apesar das variações anuais: verificou-se um máximo em 96/97 e dois mínimos relativos em 92 e 99, seguido da previsão de novo aumento.

7.2- A resposta deve referir os seguintes factores, ou outros considerados significativos:

  • Desenvolvimento económico – mais indústria e serviços;
  • Melhoria das condições de vida da população – maior uso de equipamentos eléctricos.

 

8.1- A resposta deve referir os seguintes regiões: grande Lisboa, grande Porto e península de Setúbal.

8.2/8.3- A resposta deve ser afirmativa e referir que se verifica um maior consumo nas regiões do litoral (mais desenvolvidas) que nas regiões do interior: é aí que vive mais população, há mais actividades económicas e circulam mais transportes.

 

9.1- A resposta deve referir que são potencialmente mais viáveis pois o país tem boas condições físicas para a produção de muitas delas o que faria diminuir a dependência do exterior.

9.2- A resposta deve referir a energia hídrica e solar/eólica.

 

6 comentários

Comentar post